Últimos Artigos

LutaEstudantesSecundaristas
Política Nacional

Se Alckmin recuou, por que os estudantes continuam mobilizados?

Uma semana depois de o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, ter anunciado a suspensão da chamada reorganização escolar, os secundaristas contrários a esse plano ainda estão mobilizados. Ao menos 120 escolas ainda seguem ocupadas, uma grande manifestação ocorreu na última quarta-feira, e outros travamentos pelas vias da cidade se repetiram. Mas, o movimento já começa a dar sinais de esgotamento, pois o número de escolas ocupadas já caiu significativamente – eram 200 até a semana passada.

LEIA MAIS →
Babaquice@hotmail.com'
Revoltado

Quanta palhaçada! O motivo pelo qual é natural ser de direita é que o capitalismo é uma forma natural de organização para viabilizar a vida em sociedade. Além disso, quem,…

varzeag@hotmail.com'
paulo

O pobre não é de direita e nem é masoquista, ele é enganado por uma estrutura de poder que o imbeciliza, aliena e manipula, deixando-o individualista, desmobilizado, desorientado e incapaz…

adw.kn@medarbejdere.au.dk'
Ashley

"é preciso lutar contra o fascista que mora dentro, nascido na naturalidade social burguesa" ...A burguesia existe inata ou provocada?... :D

israelc97@gmail.com'
Israel Costa

Você deveria, primeiro, aprender a escrever para depois criticar e ofender aos outros. Você é portador de ideia limitada, tem o cérebro corroído.

israelc97@gmail.com'
Israel Costa

Não entendi nada...

Internacional

images|cms-image-000476240
Internacional

Jean Wyllys, Um Herói Da Esquerda Brasileira, É Duramente Criticado Por Viagem A Israel E Comentários Anti-Palestinos

O Deputado Federal Jean Willys (PSOL-RJ), conhecido por seu progressismo e sua liderança em movimentos de justiça social, está tentando se defender de várias críticas feitas por seus eleitores e apoiadores de esquerda devido a sua recente viagem a Israel. O congressista despertou a ira de boa parte da base do partido de esquerda PSOL (Partido Socialismo e Liberdade), ao qual é filiado, após participar de uma conferência em uma universidade israelense intimamente ligada a violações de direitos humanos dos palestinos. Após as críticas, ele defendeu sua presença no evento com argumentos frequentemente usados por fervorosos defensores da política de ocupação israelense. O discurso inesperado de Wyllys é um grande exemplo da bem sucedida tática de explorar questões sócio-liberais para gerar apoio da esquerda ao militarismo.

LEIA MAIS →

Política Nacional

9D5AB13846D608B3CFAD5564D054B30BFA5851DF3F048A097198DE255A999BEF
Política Nacional

Como a linguagem da mídia controla os pensamentos

Com os sinais trocados, a velha mídia se vale da novilíngua de Orwell. Restringe ou anula as possibilidades de raciocínio dos leitores, telespectadores/eleitores e vai além ao determinar aos seus editores, redatores, repórteres e produtores de TV o silêncio, o registro ou a ênfase de fatos, coisas e pessoas segundo parâmetros pré-determinados. Ela busca o controle do pensamento, procura abolir a reflexão crítica e tenta impedir que idéias para ela indesejáveis floresçam e dificultem o retorno de um projeto de poder que se esvaiu, porque ficou velho, há 13 anos. […]
A linguagem viciada da velha mídia começa a ser questionada porque sua falta de credibilidade é crescente. “A credibilidade é o seu freio.” [diz Venício Lima, professor de Ciência Política e Comunicação da Universidade de Brasília (UnB)].

LEIA MAIS →

Sociedade

The_Death_of_Socrates-2
Sociedade

Filosofando Sobre O Direito À Morte

… E tudo na Vida se resume na Morte. Nascemos para viver, mas vivemos para morrer. Assim, Vida e Morte conformam o paradoxo existencial de todo ser vivo da natureza.
Sobre a questão, reporto-me a um trecho de um famoso ensaio de Jorge Luis Borges – A Imortalidade, onde ele se refere ao Fédon de Platão, um diálogo que conta o que se passou na última tarde vivida por Sócrates, quando seus amigos sabem que chegou o navio de Delos, e que nesse dia Sócrates beberá a cicuta:

LEIA MAIS →